Se sou mais que uma pedra ou uma planta?
Não sei.
Sou diferente.Não sei o que é mais ou menos.
Fernando Pessoa.

quinta-feira, 1 de julho de 2010

Nada.

Hoje quero dizer nada!
Apenas escrever sem pretensão alguma, já que as letras começam a causar comichões e ataques de insanidades.
Quero pensar nada!
ser nada!
desejar nada!
Estar leve,
voar...
Me sentir livre.
Sentir o sol amarelo cobrir meu corpo de calor...
o mate quente aquecendo minha boca..
ouvir este som de brasa na boca de um dragão.
hoje eu quero nada.
e tenho certeza , assim serei tudo.

Um comentário:

  1. leveza cerebral faz tudo isso ao mesmo tempo.... mas, e pra conseguir? rs

    ResponderExcluir